MINICURSOS

·   Cada atividade tem um número limitado de participantes.

·   Cada inscrito terá direito à um minicurso somente.

·   Será possível inscrever-se para o minicurso somente após a confirmação do pagamento da inscrição.

 

Já é inscrito e seu pagamento foi aprovado? Clique para realizar o login e posteriormente inscrever-se em um minicurso.

Ainda não se inscreveu? Clique aqui para realizar sua inscrição no evento.

 

Título Ementa Ministrante Vagas Instituição
Jogos e Ludicidade: aplicabilidade simbólica para o Transtorno do Espectro Autista

Apresentar jogos como ferramenta lúdica possibilitadora do desenvolvimento da capacidade simbólica e de abstração.

Priscila Wally Virissimo Chagas;

Guilherme Botelho Chagas;

Bernadete Marin de Oliveira Moraes.

15

EMEF Frederico Ernesto Buchholz

EMEE Maria Lúcia Luzzard

INTERVENÇÃO PRECOCE – ALEGRIA EM MOVIMENTO

Orientar na identificação, encaminhamento e intervenção precoce em casos de risco do desenvolvimento infantil.

PROFª DRª VERA LÚCIA ISRAEL

DOUTORANDA LUIZE BUENO DE ARAUJO

15

UFPR

Noções básicas para a comunicação em Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS no contexto educacional

Propiciar a aquisição de noções básicas para a comunicação em língua de sinais e sobre o ensino/aprendizagem do aluno surdo no contexto educacional inclusivo.

Daiana San Martins Goulart

Juliana Sanches dos Santos

25

UFPEL

A Integração Sensorial no cotidiano de indivíduos com TEA

Realizar a explanação de conteúdos relacionados a Integração Sensorial, correlacionando as dificuldades no cotidiano de indivíduos com TEA que apresentam alterações neste processo neurológico.

Carolina Py de Castro

60

Clínica Joy - Espaço de Desenvolvimento Infantil/ Caxias do Sul

Mediação da Leitura para crianças pré-escolares com Transtorno do Espectro Autista (TEA

Ofertar aos professores e pais/familiares possibilidades de atividades de mediação de leitura para crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Viviane Cristina de Mattos Battistello

20

Universidade Feevale /Novo Hamburgo

Trabalho Docente Colaborativo: construindo um caminho possível à inclusão escolar de todos

Discutir a relevância desta proposta a partir do uso de recursos pedagógicos acessíveis e refletir sobre o trabalho dos profissionais especializados nesse contexto.

Obs: Vagas exclusivas para professores em exercício

Francéli Brizolla;

Claudete Lima Martins da Silva;

Michela Lemos Silveira Machado;

Nara Rosane Machado de Oliveira;

Jôse Storniolo Brasil;

Andreia Amaral Silveira;

Valéria Urdangarin Borba

15

Grupo INCLUSIVE / Universidade Federal do Pampa – Campus Bagé RS

Modelo de atendimento à diversidade: um recurso de apoio a escola inclusiva.

Apresentar os postulados prescritos pelo MAD, que vem ao encontro dos pressupostos subjacentes à filosofia da inclusão escolar, e propor estratégias de implementação nas escolas.

Andréa Tonini

25

UFSM

O que é a surdocegueira? Vivenciando esta experiência

Esclarecer sobre a deficiência e suas classificações. Mostrar as diversas formas de comunicação das pessoas com surdocegueira. Proporcionar diferentes vivências através de outros sentidos. Sensibilizar a comunidade sobre esta deficiência e formas de abordagem. Mostrar várias possibilidades de inserção dos indivíduos na sociedade.

Heniane Passos Aleixo

Carolina Macedo de Vasconcelos

Melissa Novack Oliveira Ribeiro

Thaís Philipsen Grützmann

20

Escola Especial Professor Alfredo Dub

Universidade Federal de Pelotas

Tecnologia Assistiva: Uso de Recursos e jogos no desenvolvimento da aprendizagem do aluno com TEA

Apresentar tecnologias utilizadas no atendimento a alunos com TEA. Indicando aos profissionais possibilidades variadas de instrumentos, recursos, aplicativos e jogos.

Ana Beatriz Pinto Basílio;

Fábio Silveira Duro;

Marcia Krause Weymar

30

Centro de Atendimento ao Autista Dr. Danilo Rolim de Moura

ATIVIDADE FÍSICA PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES COM TEA: BENEFÍCIOS, MANEJO E INFLUÊNCIA SENSORIAL.

Reforçar a importância da atividade física para crianças e adolescentes com TEA, bem como seus benefícios para realização das atividades diárias, sua relação com o processamento sensorial e mostrar maneiras de motiva-los, despertando interesse pela prática.

Ariane Pinto Silva

30

Centro de Atendimento ao Autista Doutor Danilo Rolim de Moura

Adaptação de conteúdos e recursos que auxiliam no aprendizado de alunos com TEA nos anos finais do ensino fundamental.

Apresentar estratégias pedagógicas e recursos funcionais que possibilitem aos professores informações e técnicas de como elaborar e adaptar os conteúdos escolares de forma a se tornarem mais acessíveis e atraentes, possibilitando a aquisição de conceitos significativos para os alunos com TEA, inseridos nos anos finais do ensino fundamental.

Leticia Iribarren Soares

Mariana Campos Pinho

40

Centro de Atendimento ao Autista Danilo Rollim de Moura

Práticas Inclusivas: Estratégias e Adaptação de recursos para crianças com TEA na Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental.

Instrumentalizar professores quanto ao uso de materiais adaptados, estratégias e recursos visuais que promovam o desenvolvimento dos alunos com TEA na Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental.

Aline de Araújo Lameirão

Amanda da Silva Borges

Daniela Sanches de Souza.

40

Centro de Atendimento ao Autista Doutor Danilo Rolim de Moura.

Avaliação Psicopedagogica na aprendizagem de alunos com NEEs

Instrumentalizar os participantes a cerca dos procedimentos de avaliação de alunos com necessidades educacionais especiais.

Damião Silva

30

Grandinho Embrace FFM (Fundação Faculdade de Medicina) São Paulo

Autismo e legislação. Elucidação dos direitos

Esclarecer pontos polêmicos e os avanços legais dos últimos anos

Denner Pereira da Silva

30

Pontífica Universidade Católica do Paraná PUCPR

Procuradoria-Geral do Estado do Paraná DELTAJUS

Treinamento funcional: oportunidades para crianças com TEA e Síndrome de Down

Oportunizar aos participantes o conhecimento sobre os métodos de trabalho desenvolvidos no treinamento funcional para pessoas com TEA e Síndrome de Down.

Gabriele Kruger;

Jennifer Rodrigues Silveira;

Bianca Ramson;

Naielen Rodrigues Silveira

30

ESEF/UFPEL

Práticas de Intervenção Precoce através da ludicidade na Educação Infantil

Apresentar práticas de intervenção precoce, através de uma abordagem lúdica na formação da criança e através dela implementar jogos e brincadeiras como instrumentos de aprendizagem na sala de aula.

Professores da Escola Marianinha

25

Escola Municipal de Educação Infantil Professora Marianinha Lopes – BAGE

Práticas de avaliação e acompanhamento do desenvolvimento infantil para múltiplos profissionais.

Proporcionar a reflexão multiprofissional e a compreensão acerca dos processos que envolvem os sujeitos, desde a avaliação do desenvolvimento até o acompanhamento longitudinal, instigando o olhar integral às crianças, suas famílias e seus contextos.

Giovana Cóssio Rodriguez;

Kauana Francine Alnoch

30

Universidade Franciscana – UFN Santa Maria

Dificuldades e Transtornos específicos de leitura e escrita

Abordagem teórico/prática dos processos de leitura e escrita e dos transtornos e dificuldades específicos neste processo (disgrafia, disortografia, dislexia, entre outros).

Maria da Graça Gonçalves Cunha

25

NEPCA/UFPel

Organizadores

Apoio